Santa Sara

Poema de Ana Chagas:

No oito infinito, a Santa e o seu neon azul

Zorro protesta vee-mente-mente

Sigo pelas ruas entre o verde da mata e o branco da neblina

Aceleração

A Luna brilha mas ainda não é noite

Furto uma amora enquanto lobos brancos me observam

Arfar, arfar

O dia finda, luzes se acendem, dois gatos passam batido

Um riso aqui, outro acolá, a felicidade de voltar pra casa depois de um dia de labuta

Não sou eu quem decide o caminho

São Jorge vai na frente

Arfar, arfar

Um dois Um dois

Aceleração 

Em dado momento divergimos sobre o caminho a seguir

Na dúvida vire a esquerda

Na linha de produção

Formigas se seguem e ao me ver o militar e seu bêbê desviam

Vai pra Cuba! ouve-se ao longe

Tina Turner volta a cantar.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s