Tecnologia: Instituto Lula lança campanha de divulgação de seu APP

Por Paulinho Sacramento

Evento será na sede do Instituto Banco Palmas, em Fortaleza, dia 30 de março, às 19h, com transmissão pela internet

A inclusão digital é uma tarefa urgente, que faz parte do compromisso do Instituto Lula com o desenvolvimento nacional e a redução de desigualdades. E combater a exclusão digital deve ser uma das prioridades do Brasil e do mundo.

Como parte de atividades já em curso, como a Cátedra Digital e Lideranças para a Era Digital, o Instituto Lula lançará seu primeiro Aplicativo (APP Ilula), que nasce com o propósito de reunir pessoas, projetos, pesquisas e debates sobre Soberania Digital.

O APP iLula parte do desafio de se criar uma plataforma digital, livre e soberana, que reúna interessados (de todas as faixas etárias, sociais, com conhecimento técnico ou leigo) em conhecer as ações do Instituto Lula, de parceiros e de cases no Brasil e pelo mundo no tema da inovação e tecnologia, no debate sobre geração de emprego e renda, nas mais variadas temáticas, da conjuntura presente e futura, nas oportunidades e desafios da indústria digital. O APP iLula nasce com foco na transversalidade do local, do regional, do nacional e do internacional.

Lançamento de campanha do APP iLula e parceria com Instituto Banco Palmas

No próximo dia 30 de março (quarta-feira, às 19h) o presidente do Instituto Lula, Marcio Pochmann, e o presidente do Instituto Banco Palmas, Joaquim Melo, participarão de uma mesa (física e virtual) para lançar a campanha de divulgação e explicar os objetivos do APP iLula; e da parceria com o Instituto Banco Palmas para criação do iLulaLab.

Além de anunciar as primeiras novidades que estarão no APP iLula, como os hackathons, atividades com a Cátedra Digital e as Lideranças da Era Digital, cursos, seminários e debater os conceitos e ações que precisam ser feitas para entender a era digital, suas oportunidades e desafios. E anunciar os primeiros eventos exclusivos dentro do APP iLula.

O evento (físico) será na sede do Instituto Banco Palmas (Av. Val Paraíso, 620 – Conj. Palmeiras, Fortaleza – CE, somente para convidados, em função da capacidade do espaço); e será transmitido pela internet, com início às 19h, do dia 30 de março, com transmissão pelas redes sociais do Instituto Lula e do Instituto Banco Palmas, além de redes de parceiros das duas entidades.

O objetivo da atividade em Fortaleza é ser um “esquenta digital” para fazer chegar a todas as pessoas interessadas em poder baixar de forma gratuita, dia 25 de abril, o novo APP iLula, em evento de lançamento, com informações que serão divulgadas em breve, mas que reunirá personalidades do Brasil e do mundo.

Parceria para criação do iLulaLab

iLulaLab será um laboratório (ambiente) de inovação cidadã, virtual e físico, que tem o objetivo de fomentar ações e projetos que contribuam para o desenvolvimento nacional e a redução de desigualdades em nosso país, a partir do combate à exclusão digital.  Para isso, o iLulaLab terá um ambiente digital dentro do APP iLula, que será co-organizado por um “lab parceiro”, que terá três meses de atividades conjuntas, envolvendo pesquisas e ações/sugestões práticas que agreguem o debate, novas publicações, premiações, articulações, formação, entre outros, a partir do uso de novas tecnologias em um fluxo colaborativo e aberto de inovação cidadã.

Como primeira parceria, o Instituto Lula convidou o Instituto Banco Palmas, referência mundial como Coletivo Digital. Que atua numa rede de mais de cem bancos sociais comunitários, a partir do Palmas Lab e da Plataforma E-dinheiro.

Laboratório de Inovação e Pesquisa em Finanças Solidárias (PalmasLab) é uma iniciativa do Instituto Palmas de Desenvolvimento e Socioeconomia Solidária / Banco Palmas e tem como finalidade potencializar e dar escala às Finanças Solidárias, por meio do uso da tecnologia da informação (TI), dentro dos princípios da Economia Solidária. Tem como missão contribuir na criação, desenvolvimento e/ou alavancagem de experiências de finanças solidárias através de soluções em tecnologia da informação. O banco e a moeda social Palmas foram os pioneiros no Brasil, em 1998. Estão localizados no Conjunto Palmeira, periferia de Fortaleza, no Ceará. Em 2021, o Banco Palmas a Rede de Bancos Comunitários movimentou R$ 415 milhões de depósitos em moedas sociais na plataforma E-dinheiro, com aproximadamente R$ 262 milhões em compras nos mais diversos municípios. A maioria dessas transações aconteceu em pequenos comércios de bairro.

AGENDA EM FORTALEZA 30 DE MARÇO (QUARTA-FEIRA)

(Agenda fechada Instituto Lula e Instituto Banco Palmas)

SOMENTE PARA CONVIDADOS, EM FUNÇÃO DA CAPACIDADE DO ESPAÇO

9h às 10h – Agenda sobre parceria do Instituto Lula e Banco Palmas;
10h às 12h – Visita de conhecimento dos projetos no bairro de Palmeiras, a partir dos parceiros locais do banco.

Almoço

15h às 17h– Análise da  conjuntura nacional e internacional e as alternativas para o desenvolvimento local: o Brasil visto de baixo pra cima. Fala de Abertura de Marcio Pochmann;

Exposição e venda de Livros acadêmicos, cordéis, cds e outros materiais sobre o Palmeira.

19h – Lançamento da campanha de divulgação do APP iLula e da parceria do Instituto Lula e Instituto Banco Palmas pra criação do iLulaLab;

Abertura: Cia de Música Bate Palmas (do Conjunto Palmeira).

Fonte: https://institutolula.org/instituto-lula-lanca-campanha-de-divulgacao-de-seu-app

Imagem em destaque: pxfuel

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s