O adeus ao cantor cubano Pablo Milanés

Por A Crítica:

O cantor e compositor cubano Pablo Milanés morreu na manhã desta terça-feira, 22, aos 79 anos. Ele estava internado em um hospital em Madri, na Espanha, desde o último dia 12, para tratar de uma série de infecções que afetaram seu estado de saúde. O artista vivia na capital espanhola e, desde 2017, lutava contra um câncer no sangue.

“É com grande dor e tristeza que lamentamos informar que o mestre Pablo Milanés faleceu”, disse a assessoria do cantor, em nota. “Agradecemos profundamente todas as manifestações de carinho e apoio a todos os familiares e amigos nestes tempos difíceis. Que ele descanse no amor e na paz que sempre transmitiu. Ficará para sempre na nossa memória”, acrescentou.

Uma das vozes mais reconhecidas da música de Cuba, Milanés ajudou a fundar a Nueva Trova Cubana e percorreu o mundo como embaixador cultural da Revolução Cubana. Autor de clássicos como Yolanda, lançou mais de 30 discos ao longo de sua carreira e conquistou, entre outros, o Prêmio Nacional da Música de Cuba e o Grammy Latino de Excelência Musical.

No início de novembro, o artista foi internado e os shows previstos para Pamplona, Cidade do México e Santo Domingo precisaram ser suspensos. Na época, a nota da assessoria explicou que a situação clínica era secundária à doença onco-hematológica que o afeta a vários anos. Pablo Milanés também teve que cancelar um show em setembro.

A saúde do artista piorou com o passar do tempo e passou por uma série de cirurgias. Ele chegou a ser visto andando com dificuldade e fazendo seus shows sentado com o auxílio de uma bengala. Uma de suas últimas apresentações ao vivo foi em junho passado em Havana.

Este trecho é parte de conteúdo que pode ser compartilhado utilizando o link: https://www.acritica.net/editorias/cultura/morre-pablo-milanes-cantor-cubano-e-compositor-de-yolanda-aos-79-anos/633877/ – as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do jornal A Crítica de Campo Grande estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do jornal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização do jornal (redacao.acritica@gmail.com). Essas regras têm como objetivo proteger o investimento que o jornal “A Crítica” faz na qualidade de seu jornalismo.

Para saber mais sobre o artista, acesse o link abaixo:

https://pt.wikipedia.org/wiki/Pablo_Milan%C3%A9s

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s